Header Ads

Giro de Notícias

Sindicato revela venda livre de celulares em presídios da Paraíba e responsabiliza Estado

O vice-presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários da Paraíba, Wager Falcão, afirmou, na tarde desta quarta-feira (19), que o comércio de celulares é algo “comum” no Sistema Prisional do Estado.
Mais cedo, Um esquema criminoso montado no interior do presídio PB-1 cobrava até R$ 50 mil dos presos por um celular.
“Isto é o começo da investigação, não pode ser colocado nos agentes para esconder o verdadeiro problema. Todo mundo sabe que nos presídios chove celulares, não é coisa específica. Um fato isolado não pode comprometer toda categoria”, disse.
O comércio ilegal envolvia agentes penitenciários e foi alvo de operação do Ministério Público, Delegacia especializada no combate ao crime organizado e Secretaria de Administração Penitenciário.
MaisPB

Nenhum comentário