Header Ads

Giro de Notícias

Gadelha revela bastidores da adesão a Lucélio

O deputado federal Marcondes Gadelha (PSC) narrou, na tarde desta quinta-feira (6), detalhes da decisão que levou o PSC a apoiar a candidatura de Lucélio Cartaxo (PV) ao Governo do Estado.
Em entrevista ao programa Arapuan Verdade, na Arapuan FM, o parlamentar, que é vice-presidente nacional da legenda, disse que o partido migrou para Lucélio após o vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior (PSC), declinar da disputa pelo Senado e optar por concorrer a uma cadeira na Câmara Federal.
Para Marcondes Gadelha, ao analisar o perfil dos candidatos, a legenda optou em seguir o projeto do candidato do PV. De acordo com ele, o fato da chapa proporcional para a Câmara Federal oferecer mais conforto aos candidatos do partido também pesou na decisão.
“A ideia que nos arrastou para essa composição é a de renovação e mudança. Isso implica, no caso, o resgate de determinados valores como a decência, honestidade, o censo de responsabilidade e a ascensão de novas lideranças. Ele vem com esse senso de mudança e isso foi muito importante para essa decisão”, destacou.
Marcondes Gadelha considerou que as candidaturas de Manoel Júnior e Leonardo Gadelha para deputado federal não prejudicam o PSC. Ele vê a possibilidade da legenda conseguir eleger os dois, que já exerceram mandatos em Brasília.
“O próprio Leonardo compreende e não tem Manoel um concorrente, mas um parceiro. A nossa idéia é que vamos eleger os dois. Nós vemos Manoel como um competidor. O fato é que os dois estão em situação bastante confortável e com perspectivas de eleger os dois”, avaliou.
MaisPB

Nenhum comentário